0

Jogo de Cintura em Tempos de Crise no seu Negócio


Dizem que o brasileiro já é acostumado a crises e costuma se sair muito bem nelas. Não deixa de ser verdade, já que as crises (tanto políticas quanto econômicas) no país são cíclicas e, de uma forma ou de outra, a população fica sempre com as antenas ligadas caso surjam sinais de que uma nova onda negativa esteja para chegar. Especialmente nas crises, econômicas, todos os setores são afetados, de produtos a serviços, e tudo acaba refletindo no bolso dos consumidores. Uma das reclamações mais ouvidas nos telejornais se refere ao preço do pão e do café nas padarias. Muitos brasileiros preferem tomar seu café fora de casa, por morarem sozinhos ou por praticidade, e estes sentiram o aumento da crise atual. O trigo e o café, ambos com valores atrelados ao dólar subiram vários pontos percentuais.


As padarias sempre seguram as altas da matéria-prima de seus produtos o máximo possível, mas quando o limite é ultrapassado, não tem jeito: sobe-se os preços. Mas há formas de reduzir os custos de produção para dar uma ajudinha aos clientes fieis, e uma delas é usar misturas para pães pré-prontas, cujo valor é mais baixo do que a soma dos valores de cada ingrediente separado e apresentam um bom rendimento.


Arte feminina


Culturalmente mais habituadas ao ambiente culinário, as mulheres costumam ser peritas na arte de economizar no uso das matérias-primas das receitas, um talento que costuma ser ensinado entre as gerações da família, já que é praticamente uma única geração não ter experimentado pelo menos uma situação de crise econômica – seja do país, seja doméstica. E como são muito criteriosas quanto à qualidade, a economia quase nunca é percebida por quem prova dos pratos depois.


Este talento pode e deve ser transportado para as cozinhas das padarias. As misturas prontas para pães, além de terem um forte aspecto econômico por serem mais baratas, também representam ganho de tempo na preparação dos pães. Com isso, os funcionários ganham tempo para outras preparações mais elaboradas.

Outras economias


Além do uso das misturas prontas para pães, as padarias podem reduzir a produção dos produtos com menos saída ou fabricá-los em dias específicos ao invés de diariamente. Além de ampliar o tempo disponível para dedicar-se à produção de outros produtos, cria-se um aumento na demanda por estes produtos nestes dias, criando um movimento chamativo para outros clientes.


Mas mais do que proporcionar uma estratégia auto-suficiente de marketing, com essa estratégia pode-se diminuir a aquisição de matéria-prima e salvar mais dinheiro em caixa; com mais dinheiro em caixa, pode-se segurar os preços dos produtos tradicionais (como o cafezinho e o pão francês) por mais tempo sem repassar os aumentos ao consumidor final. Com estes produtos tradicionais mais baratos, atrai-se clientes de outras padarias cujos preços foram aumentados, e o fluxo de caixa aumenta. E ninguém fica sem seu cafezinho sagrado de todas as manhãs.
Os brasileiros agradecem!


Comentários
0 Comentários

0 comentários :

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails