12

Escoliose, infelizmente ainda pouco percebida


Aqui em casa descobrimos que nossa filha Giovanna esta com escoliose, com 12 anos atingiu uma curvatura de 35º, por enqto estamos realizando exames, e o médico disse para aguardarmos os resultados, para então sabermos se ela fará uso de Colete Milwakee, ou outro tipo de tratamento.


Olha gente graças a Deus a espiritualidade habita em meu ser, pois não tem sido fácil conviver com essas novas possibilidades, mas quero dizer  que vou em frente para fazer tudo que for possível pela minha filha, tenho certeza que iremos superar esta fase, e tudo dará certo!!

Quero inclusive dividir com algumas mães sobre a escoliose, pois é uma doença mto comum nos adolescentes e infelizmente pouco percebida por nós pais....geralmente qdo percebida ja é um pouco tarde o progresso do tratamento, portanto minhas amigas fiquem de olho nos seus adolescentes, principalmente as meninas, observem a postura, façam avaliações, pois testes simples ajudam identificar portadores de escoliose, e repito qto mais cedo descobrir, melhor o resultado no tratamento.

O que é escoliose?

A coluna vertebral vista por trás deve ser reta, alinhada. A escoliose é uma deformação morfológica da coluna vertebral nos três planos do espaço. Assim, a coluna realmente se torce, não somente para os lados, mas para frente e para trás e em volta do seu próprio eixo. Essa torção em maiores graus determina a gravidade da escoliose e a forma de ser tratada.
Classificação da escoliose quanto a forma da curva: curva simples, sendo esta à direita ou à esquerda (escoliose em “C”); Curva dupla, (escoliose em “S”). Lembrando que a direção da curva é sempre identificada pela convexidade da coluna.
Classificação das curvaturas escolióticas, podendo estas serem: cervicotorácicas, torácicas, toracolombares, lombares e lombossacrais.

Relacionando o grau da angulação da escoliose e o tratamento correspondente, temos:


1)0 à 10 graus: não há necessidade de tratamento fisioterápico.

2)10 à 20 graus: há necessidade de tratamento fisioterápico.
3)20 à 30 graus: tratamento fisioterápico e uso de colete ortopédico ou de Milwakee.
4)30 à 40 graus: uso do colete ortopédico ou Milwakee.
5)40 à 50 graus: somente tratamento cirurgico.

Comentários
12 Comentários

12 comentários :

Alessandra disse...

Amiga, nos nascemos com predisposicao a algumas doencas, uns a desenvolvem outros nao, confie em Deus nossa gata esta em boas maos.

Bjs!!!!

Camila Klein disse...

Oi Van
Sugiro vc dar uma olhada com a Gio neste blog: http://coleteparacoluna.blogspot.com.br/2010/07/qual-funcao-do-blog.html

Linda do jeito que ela é...ainda vai farra com este colete e far........ "do limão uma limonada"

Beijo grande

Patricia Italo Mentges disse...

Olá Van,
a escoliose ainda é desconhecida da maioria das pessoas.
Sou uma das fundadoras do Projeto Escoliose que tem como objetivo principal a informação e conscientização sobre a escoliose.
Sou fisioterapeuta com especialização na Italia em escoliose e coluna vertebral e trabalho a mais de 15 anos com esta desafiante patologia, portanto sei o quanto é sofrido estar diante de um diagnóstico, aonde se tem muito poucas informações a respeito.
No seu texto voce falou de fisioterapia.
Voce sabe que para ter êxito no tratamento é necessário ser especialista?
A fisioterapia para ser eficaz deve seguir um programa estabelecido para alguns anos e ter um objetivo claro e ser executada com todo o cuidado necessário: acompanhamento com medições frequentes,que possibilita a percepção do estado, evolução ou a esperada regressão da curva da escoliose.
No nosso site www.projetoescoliose.org você e outras mães terão acesso a informações esclarecedoras, com fundamentos científicos.
Sem dúvida nenhuma você e sua filha teriam a oportunidade de não terem que se defrontar com a detecção nesse grau , se houvesse a triagem escolar aqui no nosso país. é por coisas como essas que nosso projeto luta.
Que exames foram solicitados para sua filha?
Esperando que tenha sucesso nos seus objetivos,
Um grande abraço
Patrícia Italo Mentges

Luciene de Paula disse...

Oi Van, Deus é o médico dos médicos, em breve sua filha estará 100% restabelecida!

O post ficou super informativo, parabéns por compartilhar estas informações conosco, beijos ...

http://www.aprendizdecabeleireira.com/

Anônimo disse...

Oi, eu tenho 50º de escoliose, e vários médicos me disseram que só com cirúrgia poderia ter melhoras. De fato se eu fizer a cirurgia eu irei ficar com 30º, porém optei por fazer exercícios, coisa que gosto de fazer, para fortalecer os músculos da coluna, além de me manter em forma. Tem dado muito certo, como sou homem faço natação e academia, mas já fiz auricoloterapia, xiatsu (muito bom recomendo), e fortalecimento muscular, todas deram muito certo. Se eu tivesse feito cirúrgia teria perdido um pouco de mobilidade por parte de exercícios da colunas, mas apenas com exercícios para fortalecer tenho me dado muito bem.

arkossbro@hotmail.com

Anônimo disse...

Oi Van, eu descobri que tinha escoliose aos 14 anos e tive q usar colete até meus 19 anos. Não vou dizer que foi fácil, pq estarei mentindo. Usava religiosamente o colete durante todo dia (até na hora de dormir) e só o tirava para tomar banho, natação e fisioterapia. Aconselho vc a apoior mto sua filha pq ela é nova e vai se sentir diferente das outras meninas da idade dela. Eu ainda tenho o colete até hj, guardo como uma mémoria de que em venci, mas ficaram marcas, e só eu sei quais são. Ainda tenho os mesmo 30 graus do inicio do tratamento, ainda sinto dores, mas é assim mesmo, o importante é que não piorou.


Desejo o melhor para sua filha, de todo meu coração. Vou rezar por ela e pedir para que tudo fique bem e que o colete não seja necessário.

Ass: Nana

Vanessa Ferreira disse...

Pessoal agradeço imensamente os depoimentos e os emails recebidos, vocês não fazem ideia o qto é importante dividir histórias e experiências.

Peço que Deus abençoes todos vocês e muito, mais muito obrigada pelo carinho deixado aqui!!

Vann

Matheus Bueno disse...

Oi vejo um bom blog no ar

Dica Tira a Navbar do blog que vai ficar 100%!!

Matheus Bueno disse...

E isso aki : http://www.phabloprojetos.com/2012/03/tirar-navbar-do-blog-rapidamente.html

L.W.G disse...

Oi Vann. Tenho escoliose de 40 graus, descobri um mes antes do meu aniversario de 16 e quando eu começei a usar eu tinha 25 graus, entao piorou durante o uso continuo usando pois pode ser pior sem o milwaukee, não é nada fácil mesmo, estou usando a 8 meses ja, passa rapido, tenha fé, tudo vai dar certo... Que Deus abençõe voces e nunca deixe sua filha parar de usar o colete, é para o bem dela. Dá uma olhadinha no meu blog (convivendo com escoliose) http://www.convivendocomescoliose.blogspot.com

Michelle Davi Simão disse...

oi Vann, só hj vi seu blog, e entendo tudo que vc falou. Vou deixar meu testemunho aqui: Em Julho de 2011, descobrimos que nossa filha Nathalia tinha escoliose, atraves da prof de pilates, procuramos o medico aqui no interior do mt onde moramos, e apos exames ele nos aconselhou procurar um medico de fora pois o desvio era acentuado, ficamos enlouquecidos e começamos a leva-la em varios medicos, fomos em Cuiaba, Porto Alegre, e São Paulo por indicação de uma prof. do pilates; começamos o tratamento em sp com uso do colete 23h/dia, o modelo era o TLSO, ou colete de boston, pois a curva principal era na lombar, ela tem 2 curvas em S, ela estava com 35°g, isso varia muito de medico p/ medico em relação a maneira de medir...ficamos mto preocupados, comecei a ler tudo sobre escoliose, acho q li todos os artigos do google, enfim seguimos com o tratamento e junto pilates e RPG cada um 2 x na semana. Conforme crescia faziamos novos coletes. Aí certo dia, resolvi tentar uma vaga no Sarah em Brasilia, tenho minha mae lá...seria mais facil e sem custo, em sp era mto caro. Liguei deu meu testemunho, e 15 dias depois eles me ligaram marcando a consulta p/ dali 5 meses, ficamos super felizes e p/ lá fomos continuar o tratamento. Onde tratamos até hoje, ela esta com 14 anos, faz 15 em Fev. Aí em Julho deste ano conheci o João de Deus, Lá de Abadiania da Casa Dom Inácio de Loyola, ele não é catolico nem espirita nem avangelico ele é somente um instrumento entre nós e Deus, que ele nao cura nem faz milagres, que o que cura é nossa FÈ em DEUS! E que o mesmo indo lá devemos seguir o tratamento medico junto com o dele, e p/ la fomos...gostamos muito, muita energia; minha filha passou por uma cirurgia espiritual, sem cortes ..nada.. fizemos tudo que nos foi orientado e viemos embora, e fazendo o tratamento da casa...junto com o colete e todas atividades porem reduzidas p/ 1 x na semana. Tivemos nosso retorno agora em 30/10 lá no Sarah em Bsb, e tivemos a surpresa, ou melhor a benção de a curva ter reduzido, casos raros, pois geralmente o colete se contem p/ não haver aumento da curva, e a dela havia reduzido, e para nossa maior surpresa uma quant. um pouco fora do que se ve, a curva principal de 32º foi p/ 22º e a curva secundaria de 27 p/ 22. ou seja 10º em uma e 5º na outra, até hj estamos em agradecimento por isso, estamos em estado de mta oração mto agradecimento. Mas ainda continuamos no tratamento pelo sarah tb, ela segue usando o colete em tempo integral, pois ainda há chance de crescimento, seguimos nossa luta e ja temos retorno marcado p/ Maio lá no Sarah, e estou agendando uma data p/ ir ao Joao de Deus tb. Seguimos firmes e fortes e com muita FÉ!!!! Espero que meu testemunho tenha te ajudado, e incentivado a seguir firme e com fé! Se quiser tirar alguma duvida pode me procurar no Face, Michelle Davi Simão. Um Abraço.

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails